sábado, 6 de setembro de 2014

EXCLUSIVO : Os degredos da defesa de Lopetegui, para totós

Viu? Berrei EXCLUSIVO e pimba! cá está o caro leitor. Usei a mesma técnica de marketing que a comunicação social dita desportiva tem utilizado para conseguir os cliquezinhos necessários nos seus artigos para você e eu, estimado leitor, lhes aumentarmos a receita em publicidade. Esta última parte da frase podia ser trocada por "Pãozinho para a boca" que seria exactamente a mesma coisa.

E que fominha têm passado os jornais, é um vale tudo à Lá UFC. Até andam numa roda viva a trocar as suas direções e conteúdo editorial.

O que interessa é que agora está aqui: resultou, não resultou? Há que copiar os melhores. Vá, não fique chateado, continue a ler que vai ver que vale a pena, não foi publicidade enganosa. Foi só um pouco "manhoso", vá. Aliás, se, por exemplo, o leitor se chamasse João, poderia-lhe agora perguntar "João, meu Querido, gostou desta Manha jornalística? (Não percebeu? É só seguir as pistas que deixei em Itálico e sublinhado. Usar o google caso necessário, juntando a palavra Record. Mais que isto só sinais de fumo e umas setas caro leitor, mas eu confio em si, eu sei que chega lá).

Fez o "Jornal" "O Jogo" na sua edição de ontem (o leitor repare que usei aspas tanto em Jornal como em O Jogo, não é inocente), manchete com um espampanante título: "Os segredos da defesa de Lopetegui" (não coloco link para essa fenomenal peça de ficção porque prezo bastante a sua saúde. Não o quero com disenteria, ilustre leitor).

Apesar de não ler essa "composição gráfica" que incorpora letras em forma de texto e que se auto-proclama como jornal isento...

(só um momento, estou a recuperar do ataque de riso que tive assim que escrevi a palavra isento)

...estava eu a dizer que não leio essa coisa, mas se escreveram de linhas defensivas e coisas do género, então todos sabemos que a qualidade da prosa deve estar perfeitamente a par da melhor ficção científica da actualidade, cheia de efeitos especiais topo de gama e de última geração, assim do estilo Avatar, personagens azuis e tudo. Que sabemos que não existem, "...pero que las hay, las hay".

Quais linhas defensivas qual carapuça. Usam tácticas mas não são as futebolísticas, são as de outro tipo, mais usadas para os lados da Sicília. Ou as de guerrilha. Seja como for, a nós Benfiquistas, já não nos enganam. O segredo está no Polvo. O truque octopóide é sobejamente conhecido há mais de 30 anos e já foi tantas vezes realizado à descarada  que todos nós o conhecemos de trás para a frente. Todos menos a comunicação social, claro.



Nunca é demais relembrar:



Quer conhecer mais sobre este espantoso molusco que possui a extraordinária capacidade de largar tinta azul como camuflagem e que tem absoluta autonomia nos seus oito braços? Então, por favor, siga o seguinte link: Pulpus Corruptus 



(Obrigado ao blog "O Antitripa" pela inspiração com o seu artigo "Os segredos da defesa de Lopetegui")

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...