quinta-feira, 11 de junho de 2015

Nalgas & Companhia: Nada de novo, portanto.

O chefe de claque nunca viu nada assim?Olha a novidade. Isto é o mesmo que aquelas pessoas que nunca viram o mar e um dia têm a oportunidade de vir ao Litoral e ficam fascinados.

Para quem tem standards baixos qualquer coisa é uma coca-cola fresquinha no deserto. Basicamente, estão a rebaixar-se ao máximo (vulgo meter-se de cócoras e a jeito) por comparação ao que têm -e tinham anteriormente- e estão a assumir que a estrutura verde é (era) fraquinha fraquinha.
A prova disso é que Kim Jong-Brun tem tanta verborreia naquela cabaça que não é capaz de estar calado e passa o tempo todo a contradizer-se.

Nada de novo, portanto.

Veja-se o caso Marco Silva. Fartaram-se de inventar por altura do Natal com os casos todos, sempre a desmentir tudo e todos: andaram meses a fio com cara de pau e hipocrisia a fingir que tudo estava bem. O cozinheiro José Eduardo foi um peão miserável, demonstrativo do que é a falta de espinal medula deste novo Sporting. E o Eduardo Barroso? Linda figura.

E ver aquele banco de suplentes cheio daquele ego com voz de cana rachada enquanto o treinador estava a fazer o seu trabalho? Metia dó. O Marco Silva já merecia uma estátua, - que paciência de santo.

Nada de novo, portanto.

E é claro que a nota de culpa tem mais de 400 páginas: havia sido começada em Janeiro, portanto foi só ir ao Staples (aproveitar uma promoção qualquer que é necessário poupar para o Judas), comprar um dossier maior e continuar a coleccionar armadilhas ao Marco para ir aumentando o seu volume.
Agora, a espuma veio ao de cima e as argumentações do Nalgas & Companhia demonstram que o Rojo sempre tentou agredir, entre tantas outras coisas que agora se sabe que eram verdades.

Nada de novo. Que continue assim, portanto.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...